Chemyunion PHI 0820
Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Pharma InnovationDestaques MedicamentosAbrace produz cannabis medicinal a custo acessível

Abrace produz cannabis medicinal a custo acessível

  • Written by:

Fundada em 2015, a Associação Brasileira de Apoio Cannabis Esperança (Abrace) é a única organização com autorização judicial para cultivo de maconha com fins medicinais no Brasil.

E por meio de uma linha própria de produtos, a entidade luta para garantir o acesso ao canabidiol a custos mais acessíveis.

O trabalho da associação teve início quando cerca de 100 famílias começaram a ter dificuldades na importação do CBD em função da alta do dólar e se cotizaram para viabilizar a produção no Brasil.

Hoje com cerca de 15 mil associados, a Abrace tem uma produção mensal de até 4 mil unidades da linha Óleo Esperança. Para se afiliar e ter acesso aos produtos, o paciente precisa ter uma receita indicativa para o produto produzido pela Abrace e o laudo médico comprovando a doença, tais como epilepsia refratária de difícil controle, TEA (autismo), Alzheimer, Parkinson, glaucoma, câncer, doenças crônicas, por exemplo.

Campanha de arrecadação

A entidade, porém, teve um revés judicial recentemente. No dia 25 de fevereiro, após um pedido da Anvisa, o desembargador federal Cid Marconi, do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) determinou a suspensão da liminar que permitia o cultivo da maconha para fins medicinais. A decisão foi revogada uma semana depois, sob a imposição de que a Abrace faça as adequações necessárias de acordo com as normas da RDC 327.

A Abrace agora está protocolando os projetos junto à Anvisa e, uma vez aprovados, tem 120 dias para adaptar as instalações atuais.

Para viabilizar a reforma do laboratório, a Abrace iniciou nesta semana uma campanha de arrecadação de R$ 300 mil. Com isso, além de obter o Alvará de Funcionamento junto à Agevisa, a associação projeta dobrar o número de afiliados ainda este ano.

Também está em projeto o abastecimento do espaço com todos os equipamentos industriais, orçados no valor de R$ 5 milhões.

Projeto de Lei

Outra mobilização gira em torno da aprovação do Projeto de Lei 399/ 2015, que viabiliza a comercialização de medicamentos que contenham extratos, substratos ou partes da planta Cannabis sativa em sua formulação. O PL está aguardando entrar na pauta da Câmara.

Para ajudar a campanha de financiamento coletivo Abrace não pode parar basta acessar o link da Benfeitoria aqui.

 

 

 

 

 

Fonte: Panorama Farmacêutico 24.03.2021

Comments are closed.

Parceiros