Chemyunion PHI 0820
Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Pharma InnovationDestaques Empresas & Negócios Saúde & Bem-estarTendências no mercado de suplementos nutricionais em 2021 – parte 2

Tendências no mercado de suplementos nutricionais em 2021 – parte 2

  • Written by:

A pandemia de COVID-19 vem moldando as preferências dos consumidores no mercado de suplementos nutricionais. Anteriormente, já mencionamos algumas tendências de mercado para 2021, seguem duas novas tendências.

No texto publicado mês passado, mencionamos como a pandemia de COVID-19 influenciou as escolhas dos consumidores no mercado de suplementos nutricionais. Ressaltamos algumas tendências de mercado, como o magnésio para estresse, depressão e insônia, o zinco para a imunidade e a vitamina K2 para suporte ao metabolismo.

A seguir estão outras duas tendências do mercado de suplementos alimentares em 2021, de acordo com os especialistas.

1. Saúde ocular: astaxantina

O mercado de saúde ocular foi avaliado em US$ 1.572,33 milhões em 2019 e está projetado para atingir US$ 2.382,96 milhões em 2027. A pandemia também impulsionou esse mercado, com uso de dispositivos eletrônicos aumentando drasticamente em todas as idades devido ao trabalho em home office e educação online. O novo hábito de trabalho e estudo remoto tende perdurar para além da pandemia.

O uso de telas por muito tempo prejudica o reflexo de piscar e o tempo que os olhos permanecem abertos aumenta, consequentemente ocorrendo sintomas oculares como o ressecamento (xeroftalmia), vermelhidão e sensação de queimação.

Nesse contexto, a astaxantina se destaca como uma grande tendência de mercado. Segundo o relatório de mercado da Modor Intelligence, estima-se que o mercado global de astaxantina vai registrar um crescimento anual de 7,8% até 2025.

Estudos com a astaxantina AstaReal®, líder global no mercado de astaxantina, demonstraram que a AstaReal® apresenta uma série de benefícios para a saúde ocular: auxilia o processo de acomodação de olhos cansados, na resistência e recuperação do

“tempo de tela”, na promoção da acuidade visual e na percepção de profundidade; alivia a fadiga ocular e o estresse oxidativo nos olhos; e promove a circulação e a nutrição dos olhos.

A astaxantina natural AstaReal® é derivada da microalga Haematococcus Pluvialis, que apresenta o nível mais alto de astaxantina e é mais sustentável do que outras fontes. Além da saúde ocular, seus benefícios comprovados por mais de 150 estudos se estendem ainda à imunidade, função cognitiva, saúde cardiovascular, saúde e beleza da pele e resistência e recuperação muscular.

2. Potencial contra a COVID-19: vitamina K2 e colina

Nutrientes com potencial de amenizar os danos causados pela COVID-19 ganham destaque crescente no mercado de suplementos em 2021 enquanto a pandemia continua a avançar e a vacinação ainda não está disponível para a grande maioria da população. Dois desses nutrientes que ganharam destaque em estudos recentes são a vitamina K2 e a colina.

Em um dos estudos, foi visto que pacientes com COVID-19 apresentam deficiência de vitamina K2 extra-hepática, o que pode contribuir para o agravamento do dano pulmonar e de quadros hipercoagulatórios associados aos casos mais graves da doença. Esses achados promissores sugerem um potencial terapêutico da suplementação de vitamina K2 na prevenção ou no tratamento da COVID-19, apesar de precisarem ser confirmados por estudos clínicos de intervenção.

A colina é um nutriente essencial em todas as fases da vida, principalmente durante o desenvolvimento fetal. A demanda desse nutriente é especialmente alta durante a gestação e a lactação, devido ao transporte de grandes quantidades de colina da mãe para o bebê. Quadros de infecções em gestantes (como as respiratórias e, possivelmente, a COVID-19) podem aumentar significativamente o risco de a criança desenvolver doenças mentais, incluindo autismo, transtorno de deficit de atenção e até mesmo esquizofrenia.

Diante disso, um estudo publicado recentemente na revista The Journal of Pediatrics ressalta a importância da ingestão materna de níveis adequados de colina para a proteção do neurodesenvolvimento do bebê contra os danos causados por infecções que as mães podem ter durante a gestação.

Considerações finais

A pandemia de COVID-19 moldou as preferências dos consumidores no mercado de suplementos nutricionais. A astaxantina ganhou destaque para a saúde ocular, uma tendência ditada pela pandemia com o trabalho e estudo remoto através dos computadores. Além disso, enquanto a vacinação não alcança toda a população, os consumidores continuam suas buscas por suplementos que possam auxiliar na minimização dos impactos da doença, como a vitamina K2 e a colina. A astaxantina AstaReal®, a vitamina K2 da NattoPharma (MenaQ7®) e a colina da Balchem (VitaCholine®) são líderes globais nos seus respectivos mercados e reconhecidas pela qualidade e pureza, além de apresentarem embasamento científico robusto de segurança e eficácia.

Comments are closed.

Parceiros