Chemyunion PHI 0820
Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Pharma InnovationEmpresas & Negócios VarejoCom 1.230 PDVs, Farmarcas torna-se quarto grupo do varejo farma do País

Com 1.230 PDVs, Farmarcas torna-se quarto grupo do varejo farma do País

  • Written by:

Presente em 24 estados, a Farmarcas triplicou o faturamento dos últimos quatro anos, de acordo com a IQVIA. O grupo, que integra 11 redes associativistas, atingiu receita de R$ 3,6 bilhões nos últimos 12 meses e prevê terminar o ano com 1.230 pontos de venda, volume 18% superior ao de 2019.

“A adição de mais de 100 lojas a cada ano fez a Farmarcas ganhar 12 posições no ranking do varejo farmacêutico desde 2017, sendo atualmente o quarto grupo mais relevante do setor”, ressalta o presidente Edison Tamascia. A receita supera a das Farmácias São João (R$ 3 bilhões) e representa pouco menos da metade do faturamento das Farmácias Pague Menos (R$ 6,8 bilhões no exercício de 2019).

A principal região de atuação é o Sudeste, que concentrou cerca de 39% do faturamento. Mas somente oito estados detêm 80% dos negócios – Minas Gerais, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia, Maranhão, Roraima e Pará.

Para 2021, o grupo almeja acelerar o ritmo de expansão com a incorporação de mais 270 lojas e um projeto de transformação digital. A empresa aposta na implementação de um sistema de geolocalização dos pontos comerciais, assim como na utilização de ferramentas de business intelligence (BI) para enriquecer as informações sobre vendas e sobre os colaboradores.

Outra novidade será a criação de uma nova gerência de capacitação e desenvolvimento humano. A área será responsável por organizar e redefinir todas as iniciativas de capacitação das redes afiliadas, desde treinamentos técnicos, instrução para utilização de novas ferramentas, gestão de estoque, webinars e lives a fim de construir trilhas de conhecimento, que serão publicadas na nova plataforma de EAD da empresa.

“Pensar e executar tudo o que é necessário para prosperar no varejo farmacêutico exige tempo, dedicação contínua e muita atenção. Tentar crescer de forma individualizada exige uma grande carga de esforço e tempo, o que torna o associativismo um instrumento necessário”, conclui Tamascia

 

 

 

 

 

 

Fonte: Panorama Farmacêutico 04.12.2020

Comments are closed.

Parceiros