Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Pharma InnovationMercadoPrimeiro desengasgador para primeiros socorros chega ao Brasil

Primeiro desengasgador para primeiros socorros chega ao Brasil

  • Written by:

Aparelho possui uma exclusiva e patenteada válvula capaz de retirar o corpo estranho das vias aéreas salvando a vida da vítima.

Chega ao Brasil o LifeVac, o primeiro desengasgador para primeiros socorros que evita a asfixia por Obstrução das Vias Aéreas por Corpo Estranho (objetos ou alimentos) (OVACE). Liberado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), este ano, o aparelho pode salvar vidas e diminuir número de mortes por engasgo.

De aparência semelhante a um ‘desentupidor’, o dispositivo funciona por meio de uma válvula. Desse modo, ela cria o vácuo para a sucção do corpo estranho preso nas vias aéreas. O LifeVac é de fácil manuseio e após a leitura do tutorial, até mesmo uma pessoa leiga poderá utilizá-lo em uma emergência.

O LifeVac tem o objetivo de evitar os óbitos causados por engasgamento. De acordo com os dados do Ministério da Saúde, relativos ao ano de 2010, ocorreram 3.412 mortes por esse motivo. De acordo com o livro ”Emergências Pediátricas em Obstrução de Vias Aéreas Superiores”, em 2012, 1,2 milhão de atendimentos pediátricos foram realizados devido a este tipo de incidente. Além disso, de acordo com  dados do Ministério da Saúde, a incidência de óbitos causados por OVACE está na contramão dos demais índices que avaliam a segurança infantil: morte no trânsito, queimaduras e afogamentos apresentaram redução significativa ao longo dos últimos anos, enquanto a asfixia por OVACE não segue essa tendência.

Desengasgador para primeiros socorros

O cenário é agravado com a demora da chegada do socorro, que pode levar em média, 36 minutos. Em casos de asfixia por OVACE, danos cerebrais permanentes podem ocorrer já a partir do quarto minuto, e o óbito em torno de dez minutos. Nessa situação, prestar os primeiros socorros antes da chegada do serviço de emergência pode fazer a diferença na hora de salvar uma vida.

Mesmo fazendo vítimas de todas as idades, crianças e idosos são os mais atingidos. O controle inadequado da deglutição e o baixo controle da mastigação, bem como a falta de conhecimento ou curiosidade, tornam as crianças, principalmente, nos primeiros anos de vida, mais propensas a serem vítimas do incidente. Nos mais velhos, a perda do tônus muscular e da capacidade de mastigação, além da senilidade mental, inserem os idosos no público de risco.

A chegada de LifeVac é um avanço para evitar o número crescente de mortes por engasgo, que pode acontecer em qualquer ambiente. No Brasil, está em vigor, desde outubro de 2018, a Lei 13.722, que torna obrigatória a capacitação em primeiros socorros de professores e funcionários de estabelecimentos de ensino da educação básica e recreação infantil. Essa lei veio dar cobertura nacional à Lei 15.595 de maio de 2018, do município de Campinas (SP).

Alerta aos perigos dos engasgos

“Além de ser uma solução eficaz e segura, enxergamos LifeVac como uma possibilidade de alertar e divulgar sobre a importância da informação e treinamento em primeiros socorros no Brasil. Isso ajudará a salvar muitas vidas. Esse será o foco do nosso trabalho de comunicação”. Assim, afirma o diretor de marketing e vendas da R9C Sterifarma, empresa responsável por comercializar o produto no Brasil, Marcelo Sanglard.

De acordo com o coordenador de Treinamento em Emergências Cardiovasculares da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Dr. Sérgio Timerman, o LifeVac será capaz de salvar muitas vidas devido à sua simplicidade. “Cada minuto que passa numa asfixia que leva a uma parada cardíaca, são 10% a menos de chance de se salvar a vítima de engasgo”, alerta.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Guia da Farmácia 06.12.19

Comments are closed.